7 de janeiro de 2011

Colega de trabalho?


Aqui vai uns dos mais famosos:




.
O brincalhão - É difícil não identificar alguém que você conhece nessa categoria. Esse é a alma da festa, e a alegria do escritório. Sempre fazendo brincadeiras e animando o ambiente, ele alivia as tensões de um dia puxado no trabalho. Mas cuidado para não se contagiar com o espírito alegre do palhaço e deixar suas atividades de lado para contar piadas. Tudo tem hora.


O Ambicioso - Esse só pensa em subir na vida. Puxa o saco dos superiores, tenta levar crédito por tudo de bom que o setor produz e não tem o menor pudor em puxar o tapete dos outros. Esse tipo é mais comum que a gente pensa. Desconfie de gente muito boazinha e simpática. Abra o olho, não compartilhe suas idéias e acredite que terá sucesso mesmo sem se submeter a esse tipo de coisa. Mas não deixe de aprender uma coisa fundamental com essa figura: a vender o seu peixe. Propaganda é a alma do negócio, em qualquer negócio


O Reclamão - O cara passa o dia se lamentando: as pessoas são chatas, o trabalho é insuportável, a vida é uma merda. Meia hora ouvindo aquilo ali e parece que você está carregando o mundo nas costas, de tão negativa que é a sua energia. Solução: educadamente, sugira ao colega que procure uma atividade que lhe dê mais prazer. E ao chegar em casa, não esqueça de tomar um banho com sal grosso.




O Fofoqueiro - Apesar de levarmos sempre a fama, os homens são igualmente (ou até mais) fofoqueiros. Em todo lugar tem aquela pessoa que gosta de comentar a vida de todo mundo, e nem sempre de uma maneira legal. A maldade destilada atinge desde o nosso desempenho no trabalho até a nossa vida pessoal. Para uma criatura assim, só há uma coisa possível a ser feita: manter distância. Muita distância. Mesmo que tenhamos muita curiosidade para saber o que está acontecendo na vida de todo mundo, a próxima vítima pode ser você.


O Folgado - É aquele que faz cara de ocupado, mas passa o dia inteiro no MSN combinando festa com os amigos. Na hora das reuniões, tenta levar crédito pelo trabalho de todo mundo e irrita profundamente. Mas como o cara é parceiro de cerveja no final de semana, o povo acaba relevando. Solução: chama o cara para o trabalho. Pede ajuda, envolve a criatura nas atividades realizadas. E se não adiantar, chama o chefe.




O sossegado- Ele não se preocupa com nada e por isso você acaba fazendo o serviço dele pra não se complicar junto com ele diante do chefe.A melhor maneira de resolver a situação é conversando com ele na boa dizendo que você não consegue fazer tudo sozinho sem a parceria dele,se não for a solução o remédio é passar para o superior.




O carinhoso- Esse é o melhor de todos, ele te ajuda nas tarefas,fala bem de você e ainda gava você pro chefe,mas não se iluda é o tipo mais raro que existe e se você tiver um do seu lado cuide bem dele.


O desinformado-Esse é dificil de se lidar,não sabe de nada vive no mundo da lua,adora ficar nos joguinhos do computador,ele nunca sabe de nada, faz tudo errado e você não aguenta mais falar,explicar ,responder, então o jeito é fazer como na foto acima.






Duvido que você não tenha pelo menos um desse do teu lado.


Abraços..
Share this article :

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por deixar sua opinião.Um abraço fraterno e deixe teu endereço para que eu possa agradecer..Bjs
Obs: não coloque palavrão nessa merda! Obrigado.