24 de janeiro de 2011

Cabelos..




Rubem Queiroz Cobra


O corte e o penteado dos cabelos são itens que interessam a Boas-maneiras em razão do que a boa aparência pode significar para a auto-estima do indivíduo. O estilo do penteado diz o que uma pessoa pensa de si mesma, e influi na consideração e simpatia que receberá em qualquer ambiente em que esteja. Expressará também sua consideração pelos outros apresentando-se com um penteado elegante nas festas e bem penteada no trato social diário. O cuidado com os cabelos requer também a observância de certos aspectos de limpeza e higiene.
É óbvio que um tipo de corte masculino ou feminino pode ser escolhido para significar inconformismo, rebeldia, ou expressar uma fé religiosa, um voto próprio de uma congregação, e até uma posição política, como os socialistas cabeludos e barbudos. Em minha opinião estes apectos não representam valores éticos, e consequentemente não são legitimamente Boas-maneiras. Mas acho importante que a pessoa esteja atenta para significados que seu corte de cabelo poderá expressar, e que talvez não correspondam exatamente ao modo como deseja interagir com as demais.
Alguns aspectos psicológicos também são individual e socialmente importantes em relação aos cabelos. O corte dos cabelos serve ao indivíduo para sentir-se seguro e aceito, ou para dizer a que veio e o que pretende. Fazer o corte conforme à moda, seguindo uma tendência nova e mais ousada e cara, assegura à pessoa sentir-se mais influente na sociedade, e.tem a força de um afago. Em uma dificuldade sentimental a mulher recorre a uma ida ao cabeleireiro para reanimar-se.
No campo da Boas-maneiras, o que preocupa é o fato de que uma pessoa terá percepção de outra, julgará sua personalidade, e reagirá à sua presença, observando, entre outras coisas, o seu estilo de cabelo.
Homens que usam rabichos parecem avisar que são intelectuais não afetados por convenções sociais.
Mensagem diferente passam os indivíduos com a cabeça rapada. Parecem impositivos e ousados, mas que também respeitam e dão suporte aos mais fracos.
Já um cabelo cheio de pontas, despenteado e embaraçado de um morador de rua indica uma condição miserável de espírito.
Pessoas com o estilo punk sem dúvida consideram a si mesmas rebeldes e participantes do poder oculto de uma gang. São inteiramente avessas aos valores éticos pois têm seus próprios códigos sectários a seguir.
Acredita-se que mulheres com cabelos cacheados e homens com cabelos ondulados são gentis e bondosas, e as pessoas de cabelos lisos e são mais autoritárias, perfeccionistas e exigentes.
*
Além do que os diferentes cortes e penteados podem dizer, há também a considerar a influência propriamente estética que tem sua combinação com os traços do rosto e com a vestimenta.
Assim como a roupa pode salientar partes do corpo ou dissimular traços desarmônicos, o penteado pode fazer o mesmo em relação ao rosto. Por isso, um penteado que cai bem para uma pessoa, pode parecer mau em outra com traços fisionômicos diferentes. A forma do rosto é mais importante para saber que tipo de corte e penteado usar que a cor e a textura do cabelo.


Um estilo de corte poderá afundar o rosto e fazer você parecer doente, outro poderá fazer o rosto mais cheio, e outros ainda poderão simplesmente não parecerem adequados por alguma razão que não se consegue dizer exatamente qual é. É intuitiva a escolha do penteado que cria um senso de proporção, equilíbrio e harmonia entre o estilo e o rosto do indivíduo, homem ou mulher.


1. O rosto oval é considerado a forma ideal pelos cabeleireiros, porque aceita uma variedade de penteados que lhe caem todos bem. O comprimento do rosto oval é 1 ½ vez sua largura, com a testa um pouco mais ampla do que a mandíbula.


2. Rostos redondos são caracterizados por um queixo redondo. Porque lhes falta o comprimento do rosto oval, o objetivo de um penteado deve ser o de criar a ilusão de comprimento na face. Isto é conseguido através da criação de altura no topo da cabeça, e corte plano vertical com o mínimo de cabelos nas laterais e em torno das orelhas.


3. Rosto Retangular ostenta queixo e topo retos, e são longos e estreitos. O objetivo de um corte de cabelo deve ser o de criar largura nas laterais para disfarçar a estreiteza. A franja também pode encurtar o rosto, e mais cabelo nas laterais vai ajudar a disfarçar sua verticalidade.


4. Rosto em forma de pêra. Tem pouco comprimento horizontal na linha das sobrancelhas, o que dá uma fronte estreita, e é mais amplo na linha da mandíbula, com um queixo largo e redondo. O objetivo de um corte de cabelo deve ser o de dar a ilusão de um rosto oval, criando a largura na testa e nas têmporas.


5. Rosto em forma de Coração. É a forma inversa do rosto pêra. É mais amplo na linha das sobrancelhas com testa larga e estreito ao nível das mandíbulas, e um queixo pequeno e delicado. O objetivo do corte é o mesmo do pêra, de criar uma forma oval, criando largura a linha da mandíbula.


6. Rosto em forma sextavada. É mais amplo na altura das bochechas e estreito tanto na testa quanto no queixo. Aumentando os cabelos nos lados da testa estreita pode ser criada a ilusão de um rosto oval.


7. Rosto quadrado tem mandíbulas quadradas, na mesma linha do queixo, e o perfil do cabelo na testa também é reto. É um rosto curto. O penteado deve procurar criar altura para alongar o rosto. Madeixas de cabelo nas laterais suavizam a largura das mandíbulas e disfarça sua quadratura.


Bom corte pra vc...
Share this article :

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por deixar sua opinião.Um abraço fraterno e deixe teu endereço para que eu possa agradecer..Bjs
Obs: não coloque palavrão nessa merda! Obrigado.